Conteúdo

Sobre a Hagia Sophia | Uma maravilha da arquitetura bizantina

Fundado em

537

Fundado por

Emperor Justinian I

Informações gerais

ENDEREÇO

Sultan Ahmet, Ayasofya Meydanı No:1, 34122 Fatih/İstanbul, Türkiye

DURAÇÃO RECOMENDADA

1 hour

Horários

9 AM - 7:30 PM

VISITANTES POR ANO

3500000

ANO DE INSCRIÇÃO NA UNESCO

1985




Reserve ingressos para a Hagia Sophia

Ingressos de entrada para Santa Sofia
Confirmação imediata
Ingressos eletrônicos
Duração flexível
Audioguia
Mais detalhes
a partir de
€ 31
Visita guiada à Hagia Sophia com ingressos sem fila
Cancelamento gratuito
Confirmação imediata
Ingressos eletrônicos
1 h
Tour guiado
Mais detalhes
a partir de
€ 39
Combo: Visita guiada à Mesquita de Hagia Sophia e à Mesquita Azul com ingressos
Cancelamento gratuito
Confirmação imediata
Ingressos eletrônicos
3 h
Tour guiado
Mais detalhes
a partir de
€ 56
Combo: Visita guiada à Hagia Sophia com ingressos opcionais para o Palácio Topkapi ou para a Cisterna da Basílica sem fila
Cancelamento gratuito
Confirmação imediata
Ingressos eletrônicos
Duração flexível
Audioguia
Mais detalhes
a partir de
€ 79

Hagia Sophia | A joia da coroa bizantina

A Hagia Sophia, uma maravilha histórica em Istambul, Turquia, é uma obra-prima arquitetônica com uma rica história que remonta a 537 d.C. Sua cúpula inspiradora, seus mosaicos impressionantes e a fusão única de influências bizantinas e otomanas a tornam uma visita obrigatória. Para apreciar sua beleza sem preocupações, garanta seus ingressos sem fila para a Hagia Sophia online e tenha uma experiência verdadeiramente inesquecível.

Por que visitar a Hagia Sophia?

Por que visitar a Hagia Sophia?
  • Conheça as maravilhas arquitetônicas: A Hagia Sophia possui uma arquitetura inspiradora, com a sua Grande Cúpula considerada uma maravilha da engenharia por séculos. A mistura de influências bizantinas e otomanas cria um espaço visualmente impressionante e único.
  • Viagem pela história: Mergulhe na rica história dessa mesquita, que já serviu como igreja, mesquita e museu. Cada era deixou sua marca, desde os mosaicos bizantinos até as inscrições otomanas, oferecendo um vislumbre de diferentes capítulos da civilização humana em suas paredes. 
  • Uma ponte entre culturas: A localização da Hagia Sophia no cruzamento da Europa e da Ásia reflete seu papel como uma ponte entre as tradições orientais e ocidentais. Sua arquitetura e história incorporam essa mistura única, permitindo que os visitantes apreciem diversas influências culturais.
  • Símbolo de tolerância: Apesar de sua conversão em mesquita, a Hagia Sophia mantém elementos de seu passado cristão. Essa preservação estimula o diálogo e a compreensão inter-religiosos, promovendo uma mensagem de tolerância religiosa e valorização do patrimônio cultural.
  • Local religioso ativo: Experimente a atmosfera espiritual de uma mesquita ativa na Hagia Sophia. Nesse museu da mesquita, você pode promover uma compreensão mais profunda das tradições islâmicas e enriquecer sua perspectiva cultural.

Destaques da Hagia Sophia

Maravilhe-se com a Grande Cúpula

Maravilhe-se com a Grande Cúpula

Elevando-se acima de tudo, a cúpula da Hagia Sophia é uma maravilha da engenharia que tem inspirado arquitetos há séculos. Contemple seus detalhes em mosaicos e aprecie a luz do sol que passa por suas janelas.

Volte no tempo com o Deesis em mosaico

Volte no tempo com o Deesis em mosaico

Este mosaico cativante, datado do século XIII, retrata Cristo ladeado por Maria e João Batista. Admire as cores vibrantes e as expressões solenes das figuras.

Toque na Coluna dos Desejos

Toque na Coluna dos Desejos

Entregue-se a uma tradição local tocando a Coluna dos Desejos, que se acredita conceder desejos e possuir poderes de cura. Sinta o mármore liso e sussurre seu desejo na fenda.

Veja o Mihrab

Veja o Mihrab

Esse nicho ornamentado indica a direção de Meca, orientando os fiéis muçulmanos durante suas orações. Observe a intrincada caligrafia e o significado que ela tem para a fé islâmica.

Gaze at the Minbar

Contemple o Minbar

O Minbar é um púlpito elevado, de onde o imã proferia sermões para guiar e inspirar congregações ao longo dos séculos. Observe os detalhes decorativos e imagine o poder que ele já exerceu.

Busque bênçãos na Coluna das Lágrimas

Busque bênçãos na Coluna das Lágrimas

Diz-se que uma coluna desgastada na Hagia Sophia contém propriedades curativas. Os visitantes costumam fazer círculos com os polegares em torno de suas cristas para buscar bênçãos.

Explore o Portão Imperial

Explore o Portão Imperial

Essa grande entrada, antes reservada aos imperadores, agora recebe os visitantes na Hagia Sophia. Ao visitar o museu da mesquita, admire seu tamanho e suas intrincadas decorações.

Descubra os mosaicos secretos

Descubra os mosaicos secretos

Escondidos por séculos sob o gesso otomano, esses mosaicos de tirar o fôlego retratam figuras e cenas bíblicas. Maravilhe-se com sua beleza artística e aprecie sua redescoberta.

Relaxe na Galeria Serpentine

Relaxe na Galeria Serpentine

Tenha um momento de paz nessa galeria com arcadas, que oferece uma fuga serena das multidões. Admire as colunas e imagine os imperadores que já passearam por aqui.

Por que a Hagia Sophia foi fundada?

Por que a Hagia Sophia foi fundada?

Movido pela ambição e pela piedade, o imperador Justiniano I concebeu um monumento que ultrapassaria todos os outros. A Hagia Sophia não era apenas uma mesquita; era uma afirmação do poder bizantino e um testemunho da glória de Deus. Ele confiou essa tarefa impossível a dois arquitetos ousados, Isidoro de Mileto e Antêmio de Tralles.

Desafiando a gravidade e a tradição, eles empregaram técnicas revolucionárias, como tijolos leves de pedra-pomes e nervuras ocultas para sustentar a cúpula que quebrava recordes. No interior, você encontrará mosaicos cintilantes representando anjos e santos nas vastas paredes, refletindo a luz das imponentes janelas.

Colunas douradas e pisos de mármore denotavam opulência, enquanto a cúpula, pintada com estrelas para evocar os próprios céus, permanecia como o ponto central. O sonho de Justiniano se tornou realidade: uma fusão de tirar o fôlego entre o gênio da engenharia e o esplendor artístico, eternizando seu nome na história.

Resumo da história da Hagia Sophia

  • 532-537: O imperador Justiniano I contratou os arquitetos Isidoro de Mileto e Antêmio de Tralles para realizar um projeto de construção.
  • 537: A igreja cristã de Hagia Sophia, famosa por sua arquitetura inovadora e mosaicos impressionantes, foi consagrada.
  • Séculos VIII a XII: A estrutura sofre danos como resultado de terremotos, exigindo restaurações e modificações.
  • 1204-1261: Enquanto Constantinopla estava sob o domínio latino, a igreja passou por um período de desconsideração e danos.
  • 1453: Após a conquista de Constantinopla pelos otomanos, a Hagia Sophia foi convertida em uma mesquita. Esta conversão envolveu a adição de minaretes e um mihrab.
  • Séculos XV a XIX: Os governantes otomanos realizaram reformas e reparos, como o reforço da cúpula e a incorporação de ornamentos caligráficos.
  • 1931: Como parte da campanha de secularização da República Turca, a Hagia Sophia foi convertida em um museu.
  • 1931-2020: Mosaicos parcialmente revelados e restaurados e elementos cristãos começaram a atrair visitantes de diversas origens religiosas.
  • 2020: A Hagia Sophia, na Turquia, foi convertida novamente em uma mesquita pelo governo turco, o que provocou um debate global sobre o assunto.
  • Atualidade: O local funciona como uma mesquita com áreas de oração designadas e também oferece visitas guiadas limitadas fora dos horários de oração.

Quem construiu a Hagia Sophia?

O imperador Justiniano confiou em dois gênios, Isidoro de Mileto e Antêmio de Tralles. Ambos eram matemáticos e filósofos, reconhecidos por sua abordagem inovadora e por desafiarem as limitações tradicionais. Juntos, eles revolucionaram a arquitetura ao empregar materiais leves e estruturas de suporte ocultas para alcançar a escala e a grandiosidade sem precedentes da cúpula da Hagia Sophia. Essa realização os imortalizou na história da arquitetura, sendo lembrados para sempre por ultrapassarem os limites da engenharia e da estética. Embora tenham colaborado em outros projetos, a Hagia Sophia permanece como sua obra-prima definitiva, uma prova de sua visão audaciosa e de sua excepcional engenhosidade.

Arquitetura e design da Hagia Sophia

Arquitetura e design da Hagia Sophia

Com mais de 1.500 anos, a Hagia Sophia é uma maravilha da arquitetura bizantina. Sua construção desafiou as convenções, ultrapassando os limites da engenharia com pedra-pomes leve e nervuras ocultas para sustentar sua cúpula recorde. Concluída em 537 d.C., essa façanha arquitetônica elevou-se acima de todas as outras, simbolizando tanto o poder imperial quanto a presença divina.

Em seu interior, a luz flui através de janelas imponentes, iluminando mosaicos vibrantes que retratam anjos e santos. Colunas douradas e pisos de mármore exalam opulência. A Grande Cúpula cria a ilusão de estar olhando para os céus, obscurecendo as linhas entre o terreno e o celestial.

No entanto, o esplendor da Hagia Sophia não reside apenas em sua imponência e magnitude, mas também em sua inovadora fusão de estilos. As basílicas romanas serviram como base, enquanto as influências orientais introduziram o planejamento centralizado e as cúpulas. Essa síntese de estilos resultou em uma estética única que moldou a arquitetura por séculos. Com sua deslumbrante cúpula, mosaicos resplandecentes e engenharia revolucionária, a Hagia Sophia permanece como um símbolo da ambição humana, da maestria artística e do brilhantismo arquitetônico.

Hagia Sophia: Perguntas frequentes

O que é a Hagia Sophia?

Patrimônio Mundial da UNESCO, a Hagia Sophia é uma estrutura monumental em Istambul que serviu como igreja, mesquita e museu ao longo de seus mais de 1.500 anos de história. Atualmente funciona como uma mesquita, mas continua sendo uma atração importante por suas maravilhas arquitetônicas e mistura única de influências religiosas.

Por que a Hagia Sophia é famosa?

Famosa por sua cúpula imponente, arquitetura bizantina inovadora e rica história como local de culto para várias religiões, a Hagia Sophia é um símbolo de intercâmbio cultural e realização arquitetônica.

O que posso fazer na Hagia Sophia?

Você pode conhecer a grandiosidade da mesquita, admirar os mosaicos e os detalhes arquitetônicos e aprender sobre sua história.

Quando a Hagia Sophia foi construída?

A construção da Hagia Sophia foi concluída em 537 d.C. sob o comando do imperador bizantino Justiniano I.

Onde fica a Hagia Sophia?

A Hagia Sophia está localizada no distrito de Sultanahmet, em Istambul, na Turquia, e ocupa uma posição de destaque no centro histórico da cidade.

Como posso chegar à Hagia Sophia?

Você pode aproveitar muitas opções de transporte público, como ônibus, bondes e o metrô que se conecta a Sultanahmet.

Qual é o horário de funcionamento da Hagia Sophia?

A Hagia Sophia está aberta diariamente durante todo o ano, porém os horários de oração variam ao longo do dia. Por isso, é recomendável verificar os horários de funcionamento da Hagia Sophia para obter informações mais detalhadas sobre os horários de oração.

Qual é o melhor horário para visitar a Hagia Sophia?

O melhor horário para visitar a Hagia Sophia é durante as primeiras horas da manhã ou nos dias de semana, que oferecem menos multidões. Evite as sextas-feiras e os horários de oração para garantir o acesso.

A Hagia Sophia é acessível para cadeiras de rodas?

Embora a mesquita seja amplamente acessível para cadeiras de rodas, é importante notar que algumas áreas podem ter acessibilidade limitada, mesmo com a presença de rampas e elevadores.

Há opções de refeições no Hagia Sophia?

Pequenos cafés e vendedores de lanches estão disponíveis nas proximidades da mesquita. Além disso, na Praça Sultanahmet, você encontrará uma variedade de restaurantes para escolher.

Posso tirar fotos na Hagia Sophia?

Fotografias sem flash são geralmente permitidas, exceto durante os horários de oração e em áreas designadas. Seja respeitoso com os fiéis.

Há algum código de vestimenta para visitar a Hagia Sophia?

Recomenda-se o uso de trajes modestos que cubram os ombros e os joelhos, tanto para homens quanto para mulheres. É necessário retirar os lenços de cabeça na entrada caso não os tenha em mãos.

Que outras atrações estão próximas à Hagia Sophia?

O Palácio Topkapi, a Mesquita Azul, a Cisterna da Basílica e o Grande Bazar estão a uma curta distância, proporcionando uma experiência rica em história e cultura.